PROLEGÔMENO

Protesto contra políticos na Av. Paulista em 13/03/2016

 

Este espaço não é um instrumento para fazer a mudança. Ele já é a mudança! (*)

(*) Parafraseado da http://escoladeredes.net/, cujo texto original diz: A rede não é um instrumento para fazer a mudança. Ela já é a mudança!

 

 

Meu nome: Lourenço de Oliveira

Se você concorda ou discorda do conteúdo deste espaço, que pretende ser uma reunião de pessoas que compartilham voluntariamente seus conhecimentos e cooperam entre si para melhorar o mundo, mande suas críticas e sugestões para:

lourencooliveira03@gmail.com

  

DEMOCRACIA REPRESENTATIVA

“Ser deputado é tranquilo: trabalho terça, quarta e quinta metade do tempo. Faço de conta que estou trabalhando”. Paulo Maluf. http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2016/04/08/ser-eputado-e-tranquilo-faco-de-conta-que-trabalho-diz-paulo-maluf.htm

  

DEMOCRACIA DIRETA

“No instante em que o povo está legitimamente reunido em corpo soberano, cessa toda e qualquer jurisdição do governo, o poder executivo fica suspenso, e a pessoa do último dos cidadãos é tão sagrada e inviolável quanto a do primeiro magistrado, porque onde se encontra o representado deixa de haver o representante.”  Jean- Jacques Rousseau.

 

“Para descobrir as melhores regras de sociedade conveniente às nações, far-se-ia preciso uma inteligência superior que visse todas as paixões e não provasse nenhuma; que não tivesse nenhuma relação com nossa natureza e a conhecesse no íntimo; cuja felicidade fosse independente de nós, e que, portanto, quisesse ocupar-se da nossa; enfim que, no progresso dos tempos, procurando-se uma glória longínqua, pudesse trabalhar em um século e usufruir em um outro. Haveria necessidade de deuses para dar lei aos homens.” Jean-Jacques Rousseau.